Slow...slow...



Dizem que a maternidade muda a forma como vemos o mundo. Isso é verdade. Tudo aquilo que acreditávamos antes daquele pequeno ser nascer, vira de ponta cabeça. A sensação é de que junto com o bebê nasce também uma mãe, uma nova mulher.


Dizem que as mães querem abraçar o mundo. Isso também é verdade. Queremos deixar um legado, queremos transformar o mundo. Questionamos e fazemos acontecer. Mas o que seria mudar o mundo? O que realmente queremos deixar para nossos filhos?


Eu quero deixar amor. Quero que ele entenda que é preciso olhar em volta, ter calma, respirar e contemplar o belo. Sem pressa.


Slow... slow...


Na kim acreditamos que podemos resgatar valores, incentivando o modo de pensar sobre consumo. Cada peça criada conta uma história e um produto feito à mão... Ah! é puro amor!


E é aí que o movimento "Slow Design" entra em ação. Um movimento que vai muito além da velocidade. Ele nos leva para um futuro mais responsável, consciente e justo. Será que é isso que devemos ensinar para as nossas crianças? Seria esse o nosso legado?


Saber a origem dos produtos consumidos nos faz entrar em contato com todas as pessoas envolvidas no processo. Cria vínculos e consequentemente, uma valorização e conexão com o meio ambiente. Deixa de ser apenas um objeto e passa a ser algo realmente de valor. Com uma história.


Tudo tem seu tempo, desde o processo de produção, passando pela embalagem até chegar nas mãos dos clientes.

Aqui a nossa história é contada através de lápis, papel, carimbo, caneta, tesoura, estilete, tinta e tecido. E ele chega até nossos clientes no tempo certo porque valorizamos cada etapa desse processo.